A mis­são e o pro­je­to da Aca­de­mia Pau­lis­ta de Direi­to sali­en­tam a apro­xi­ma­ção da ciên­cia jurí­di­ca com outros sabe­res e faze­res, impor­tan­tes na con­fi­gu­ra­ção cul­tu­ral do direi­to e na com­pre­en­são de seu modo de ser. A arte atua, igual­men­te, como ele­men­to de trans­for­ma­ção e recon­fi­gu­ra­ção cul­tu­ral.

A exem­plo da par­ti­ci­pa­ção cen­tral das mani­fes­ta­ções artís­ti­cas, no I Con­gres­so Inter­na­ci­o­nal da Aca­de­mia, havi­do em dezem­bro de 2018, tam­bém o II Con­gres­so, a se rea­li­zar em mar­ço de 2020, de 16 a 19, na Facul­da­de de Direi­to da Uni­ver­si­da­de de São Pau­lo, con­ta­rá com a pre­sen­ça de artis­tas e de expres­sões cul­tu­rais.

Na últi­ma quin­ta-fei­ra, Alfre­do Attié, Pre­si­den­te da Aca­de­mia Pau­lis­ta de Direi­to, encon­trou-se no tra­di­ci­o­nal Res­tau­ran­te Tar­si­la, com o Artis­ta Plás­ti­co Cil­do Oli­vei­ra, para acer­tar os últi­mos deta­lhes de sua par­ti­ci­pa­ção no Con­gres­so.

Cil­do e Attié

Cil­do tra­rá obras para serem expos­tas, assim como fará uma apre­sen­ta­ção, falan­do de alguns dos temas de seu inte­res­se, entre os quais se des­ta­ca o tra­ba­lho com as iden­ti­da­des e as dife­ren­ças, na bus­ca his­tó­ri­ca, arque­o­ló­gi­ca e fic­ci­o­nal de suas raí­zes indí­ge­nas e per­nam­bu­ca­nas, cons­truin­do seu pró­prio supor­te artís­ti­co, a par­tir da ico­no­gra­fia indí­ge­na, docu­men­tos e sím­bo­los his­tó­ri­cos, além de ele­men­tos da natu­re­za, tra­ba­lha­dos e recon­fi­gu­ra­dos na dinâ­mi­ca de sua obra.

Cil­do foi um dos par­ti­ci­pan­tes do Núcleo Pai­xão da Lei­tu­ra, coor­de­na­do pelo Dr. Attié, e que, por suges­tão fei­ta pelo artis­ta plás­ti­co. duran­te o encon­tro, será inse­ri­do na pro­gra­ma­ção regu­lar da Aca­de­mia Pau­lis­ta de Direi­to.

O II Con­gres­so Inter­na­ci­o­nal da Aca­de­mia tem sido pre­pa­ra­do com esme­ro. O espa­ço para as sub­mis­sões de pes­qui­sa­do­res e pes­qui­sa­do­ras, além de estu­dan­tes foi ampli­a­do.

Outras expres­sões cul­tu­rais virão e serão anun­ci­a­das, em bre­ve.